Drift em Ebisu Summer Drift Matsuri 2011

 

Filmagem on board em Ebisu Summer Drift Matsuri 2011.

O drift se baseia em intencionalmente provocar um movimento de derrapagem em uma curva. Este estilo de condução é muito semelhante ao do rally, mas ao contrário do rally em que a derrapagem acontece pela falta de tracção do automóvel, no drift é necessário provocar a derrapagem.

Técnicas

Existe um conjunto elevado de técnicas que permitem efectuar um drift.

  • Heel-Toe Shifting – a técnica consiste em fazer uma redução rápida e deixar o automóvel pronto para responder. Quando se vai fazer uma redução, ao mesmo tempo que o condutor está freiando, pressiona a embreagem com o pé esquerdo e mantendo a ponta do pé direito no freio enquanto acelera com o calcanhar. Desta forma tenta-se acertar a rotação do motor com a das rodas, depois solta o freio e a embreagem e está pronto para continuar. Esta técnica deverá ser totalmente dominada, de forma, a realizar um bom drift.
  • Powerslide – esta técnica consiste em fazer uma aceleração poderosa, de modo, a que o automóvel perca aderência. Esta técnica necessita de motores de elevada potência.
  • Shift-Lock drift esta técnica consiste em reduzir com a caixa de velocidades, ao invés de se reduzir com o freio. Faz-se uma redução rápida, de forma, que as rodas bloqueiem e percam tração.
  • Kansei drift esta técnica consiste em largar o acelerador no aproximar de uma curva, de forma que o peso do carro seja transferido para a frente e assim perder tração nas rodas traseiras.
  • Braking drift esta técnica consiste em dar uma freada rápida na aproximação de uma curva, de modo que o peso do automóvel seja transferido para a frente, assim consegue-se perder tracção nas rodas traseiras.
  • Feint drift nesta técnica atira-se o automóvel para o lado de fora da pista, de forma, a que o peso do automóvel fique nas rodas de fora. Em seguida, dá-se uma puxada para a o lado de dentro, de forma que o automóvel entre imediatamente em derrapagem sendo necessário depois virar o volante no sentido contrario ao da curva e pressionar o acelerador.
  • E-Brake drift esta é provavelmente a técnica mais conhecida, ela consiste em puxar o freio de mão ao realizar uma curva. Desta forma as rodas traseiras são bloqueadas e a traseira do automóvel começa a sair da trajetória.
  • Clutch-kick drift esta técnica realiza-se no decorrer de um drift, quando se está perdendo a derrapagem e prestes a ganhar aderência, pressiona-se a embreagem várias vezes para que o automóvel mantenha o drift. Esta técnica pode ser também utilizada para induzir um drift, para isso, no aproximar de uma curva pressiona-se a embreagem e acelera-se para ganhar mais rotação, quando solta a embreagem o automóvel entra em derrapagem.

Edição: Chad MacLean
Música: Deadmau5 – Raise Your Weapon (Madeon Extended Remix)

 
 

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.