Copywriting: Quais canais e estratégias que podem usar títulos impactantes?

São muitos os canais de comunicação na internet, e cada um deles possui características únicas e peculiaridades.

A utilização deles dependerá de diversos fatores, como o nicho de mercado, estratégia de comunicação e o comportamento do seu público-alvo.

Confira os principais canais de comunicação online e como os títulos otimizados podem impactar em cada estratégia:

SEO

O Searching Engine Optimization (Otimização para Mecanismos de Buscas), é uma das mais importantes ferramentas de marketing digital.

Trata-se de um conjunto de técnicas para posicionar páginas de destino entre os melhores resultados dos mecanismos de pesquisa, como Google e Bing.

Eles são responsáveis por uma parcela considerável do tráfego online, então é preciso levá-los em conta na hora de elaborar suas ações.

Um bom posicionamento depende de uma série de variáveis, como por exemplo:

  • A escolha dos termos de pesquisa certo e sua utilização;
  • O tráfego total da página;
  • O tempo de permanência do usuário;
  • A quantidade e a força dos backlinks;
  • A performance da página (carregamento, layout, design, navegabilidade, etc).

Nesse contexto, é muito importante utilizar-se do marketing de conteúdo e o inbound marketing.

Afinal, quando você produz artigos encantadores e submetidos às técnicas de otimização, as chances de ele gerar bons índices de tráfego são grandes.

Perceba que a qualidade do conteúdo é muito importante, pois aumenta o tempo de permanência do usuário e estimula os compartilhamentos nas redes sociais e citações em outros sites.

Com isso, o efeito cíclico torna-se notável, pois quanto maior a qualidade, melhor o posicionamento.

Algumas práticas básicas que são altamente recomendadas para a otimização para mecanismos de buscas. São elas:

  • O título deve conter a palavra-chave em seu início;
  • O título deve revelar a essência do conteúdo;
  • O título deve ter entre 50 e 65 caracteres.

Tendo isso em mente, certamente o desempenho dos seus títulos nos motores de pesquisa serão ótimos.

Ah, e não se esqueça de sempre entregar exatamente o que o seu título propõe, ou você pode correr o risco de perder a credibilidade e a confiança do usuário.

E-mail Marketing

Um título de mensagem de e-mail marketing possui um formato diferente dos artigos de internet.

Lembre-se que o número de caracteres máximo é de 50, mas o recomendado é que fique entre 28 e 39.

Além disso, para usuários cadastrados na newsletter, nem sempre é necessário ser objetivo, já que o usuário já conhece a sua marca e sabe qual o tema de abordagem, ou seja, usuários que estão em um estágio mais aprofundado do funil de vendas.

Uma dica importante: evite padrões.

A sua persona precisa se sentir confortáveis diante da mensagem, e não há situação mais incômoda do que receber uma mensagem impessoal. Confira alguns exemplos que devem ser evitados:

  • Newsletter mensal nº 416
  • Apresentação do setor setor comercial da empresa
  • Clique para comprar meu produto

Essas são mensagens padronizadas, e dificilmente chamarão a atenção do usuário.

Elas também são contrárias aos conceitos de inbound marketing, que visam fornecer informações ao leitor antes de efetivamente fazer uma oferta.

No caso dos títulos de e-mail marketing, é extremamente recomendada a utilização de:

  • Termos e palavras impactantes;
  • Perguntas;
  • Sentenças curtas;
  • Call-to-action (CTA’s);
  • Testes A/B para análise de resultados;
  • Personalização;
  • Senso de urgência.

Apesar de não existir uma técnica perfeita, há algumas recomendações sobre os tipos de título que geram maior engajamento.

Abaixo, você confere uma lista de sugestões de abordagens que podem trazer bons resultados se adequados ao título do seu artigo:

  • Números: 7 dicas para ajudar no seu negócio
  • Utilidade: Simples passos para montar uma empresa
  • Personalização: Paulo, essa dica é para você
  • Benefício: Como gerar tráfego para o seu website
  • Alerta: Garantido! Método para gerar leads
  • Curiosidade: Você não vai acreditar no que descobrimos
  • Perguntas: Quer saber como conseguir mais seguidores no Instagram?

Links Patrocinados

A confecção de anúncios é feita em plataformas de publicidade, como o Google Ads, o Bing Ads e o Facebook Ads e você pode aprender mais sobre nesse link.

Redes Sociais

Nas redes sociais, geralmente os títulos têm o objetivo de gerar tráfego para o seu website com o compartilhamento de links das páginas do seu blog ou então engajamento com a publicação para conseguir curtidas, compartilhamentos ou comentários.

Portanto, as recomendações são bastante semelhantes àquelas dadas no item “SEO”.

No Facebook, por exemplo, é possível alterar o título dos links compartilhados. Essa pode ser uma boa oportunidade de ignorar as palavras-chave relevantes e redigir títulos que despertem a curiosidade do leitor.

Já no Twitter, é recomendado que se compartilhe o título dos artigos e o link encurtado. Você pode diminuí-los através do encurtador de URL’s do Google ou o Migre.me, por exemplo.

Títulos para Youtube

Em vídeos e tutoriais no YouTube, por exemplo, existem diversos casos onde os títulos fazem uma promessa.

As pessoas que publicam esse tipo de vídeo costumam selecionar dúvidas constantes dos usuários, e utilizam essa técnica para adquirir visualizações.

Desde que seu vídeo entregue o que foi prometido, a chance de engajamento é bem maior.

Como ponto adicional, títulos de vídeos no Youtube também são indexados no Google e portanto, podem ser otimizados também. Então sempre tenha atenção ao número de caracteres e também no foco com a palavra-chave.

Materiais Complementares

Os títulos são utilizados em muitos outros tipos de materiais, como vídeos, ebooks, apresentações de slides, entre outros.

O mais importante nesses casos é fazer com que eles reflitam exatamente o que há no conteúdo.

Ebooks corporativos são muito utilizados em etapas mais aprofundadas do funil de vendas. Geralmente, eles funcionam como guias para estratégias de mercado. São extremamente úteis, pois podem servir para aquisição de leads e firmação da autoridade da marca.

Os títulos devem ser diretos e ao mesmo tempo chamativos e criativos, por exemplo:

  • Tudo que você precisa saber sobre SEO;
  • Marketing Digital: o Guia Definitivo para Empreendedores
  • Como aumentar a produtividade da sua equipe em 5 passos.

Já as apresentações de slides possuem caráter acadêmico, e geralmente possuem embasamento em pesquisas. Um bom local para utilizar-se deste recurso é o SlideShare. Alguns bons exemplos são:

  • Tendências de mercado: os nichos que mais cresceram no Brasil em 2016
  • Guia de Métricas: quais são as mais importantes para o marketing online?
  • Como utilizar o Facebook Insights

Outro tipo de conteúdo muito comum é o infográfico, que são muito úteis para análises comparativas e demonstração de resultados.

Recomendações gerais para manter conteúdo e título em sintonia

Um título tem como principal objetivo levar o usuário a consumir conteúdo.

Em qualquer estratégia, há algumas recomendações a serem seguidas e alguns elementos essenciais para que o seu título funcione em conjunto com aquilo que será lido. São eles:

Traga algo inédito: Um bom título deve remeter a algo novo, já que o usuário provavelmente não se interessará por temáticas repetitivas.

Mostre conteúdo relevante: Pensar nas dúvidas que o seu público-alvo tem e levar as respostas até ele de maneira convidativa é muito importante.

Não esqueça da escaneabilidade: Há padrões de artigos na internet, portanto, é recomendado segui-los para gerar escaneabilidade. É preciso evitar, por exemplo, blocos de palavras muito extensos ou textos mal posicionados na página de leitura, que podem fazer seu leitor fechar o texto na mesma hora.

Espalhe referências e hiperlinks: Pensando sempre na credibilidade do texto e nas necessidades do usuário, é extremamente recomendada a utilização de links confiáveis e que direcionem diretamente a outros conteúdos relevantes.

Escreva com clareza: A construção das sentenças, parágrafos e frases deve ser clara e objetiva, afinal, o seu objetivo é auxiliar e não deixar o leitor ainda mais confuso.

Pense no layout: A disposição das peças de um website são muito importantes para a experiência do usuário. Sites com elementos sobrepondo-se aos textos, anúncios em demasia, etc., geralmente não possuem boas performances.

Garanta a navegabilidade: O design de um site precisa ser instintivo e agradável, além de ter boa velocidade de carregamento de páginas para garantir o sucesso de uma estratégia de conteúdo.

Tenha coerência: Se você vende artigos de pesca, não adianta criar artigos falando sobre o último filme lançado. Lembre-se de que, por mais que determinados temas estejam em evidência, eles precisam se relacionar com o seu produto ou serviço para terem espaço nas suas postagens.

Interatividade: Não esqueça-se de sempre encorajar as interações entre a marca e o usuário, seja com comentários, hashtags, engajamento nas redes sociais, etc.

Clique aqui e veja nosso primeiro artigo dessa série. Copywriting: Como escrever títulos impactantes.

Copywriting: Clique aqui e veja o passo a passo em como criar títulos impactantes.

 
 

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.